• A grande montanha de fogo

    Uma semana depois dos incêndios que provocaram a morte de 42 pessoas, dois fotojornalistas do Expresso e da Visão que estiveram no terreno escolheram algumas das imagens que mais os marcaram. “Nos incêndios já assisti a coisas a que não queria ter assistido”

  • Marcelo, 19 anos, perdeu a avó e a irmã no fogo: “Não vamos voltar a ter uma vida normal, nunca mais”

    No dia em que passam quatro meses sobre as mortes de Pedrógão, há novos mortos por chorar. O país vestiu-se de luto, o território cobriu-se de cinzas e não há chuva que lave a revolta de quem ficou. Pela primeira vez, Marcelo Nunes, de Nodeirinho, conta como viu morrer a avó e a irmã de três anos. Partilha a dor por nunca ter tido ajuda e a raiva por não existir um plano de evacuação

  • “E as empresas querem o quê do mar?”

    Depois de a conferência Our Ocean 2017, no início de outubro, sublinhar os riscos e anunciar medidas para a sustentabilidade dos mares, a Fundação Gulbenkian lança um estudo que mostra as preocupações das empresas portuguesas e as oportunidades que eles detetam. Saiba quais em 2 minutos e 59 segundos

  • Já pensou em pagar a sua renda da casa com moedas digitais?

    Tirámos o dinheiro debaixo do colchão e depositámos as notas e as moedas nos bancos. Efetuámos pagamentos eletrónicos com cartões e transferências pela internet. E agora até já podemos pagar com moedas virtuais que não passam pelos bancos centrais. Jornalismo de dados em dois minutos e 59 segundos para explicar os bits e os bytes que estão a transformar as trocas económicas e as nossas vidas

  • Oceanos: vamos ter mais plásticos do que peixe?

    Todos os anos são produzidas mais de 300 milhões de toneladas de plástico no mundo e 8 milhões despejadas nos oceanos. Para acabar com esta praga é preciso reciclagem, proibição de sacos e de talheres descartáveis, uso de bactérias e fungos e mudança de hábitos no consumo alimentar. Dois minutos e 59 segundos para explicar a invasão dos plásticos no mundo